Anespo

ESCO promove Tertúlia entre empresários e alunos

A ESCO, Escola de Serviços e Comércio do Oeste, no âmbito do programa de atividades de comemoração dos 25 anos de existência promoveu no passado dia 19 de abril uma tertúlia entre empresários e alunos, onde se procurou aferir o perfil e as competências, necessários, para o profissional do século XXI.

“ESCO - Uma Escola de Afetos” deu o mote para as comemorações dos 25 anos, nesse sentido esta tertúlia teve a intenção de estreitar relações entre os alunos e profissionais que, em diferentes áreas de negócio e contextos profissionais, têm a responsabilidade de decidir sobre a contratação e gestão de carreiras, dentro das empresas. 

“Esta tertúlia foi um momento de partilha muito interessante, direcionada para o desenvolvimento pessoal e social dos nossos alunos, que puderam interagir com alguns profissionais que nos trouxeram os seus percursos de vida tão inspiradores. Esta é uma forma de dizer aos nossos jovens que é possível ser um profissional de sucesso e que esta realidade está ao seu alcance. Para isso, a escola além de transmitir competências técnicas, deve trabalhar as competências de que hoje tanto ouvimos falar, que são as soft skills e que foram tão faladas esta tarde.                         

É importante que os jovens de hoje treinem estas competências e que tenham foco no que pretendem para o seu futuro.  A sociedade pede pessoas criativas, inovadoras, flexíveis, disponíveis para o trabalho em equipa e eu diria, queremos pessoas que não deixem de sonhar e que acima de tudo sejam felizes.

Uma palavra de agradecimento muito especial a estes empresários, pela generosidade na partilha das suas experiências profissionais e também os conselhos que deixaram a estes jovens, abrindo-lhes novos horizontes.”, refere Júlia Alfaiate, diretora da ESCO.

Nesta iniciativa foram abordados temas como, o curriculum vitae ideal; o perfil do profissional do futuro; as competências mais valorizadas; as novas profissões; o mercado de trabalho global; as profissões que tendem a desaparecer, os conceitos out of the box,  out of the office, freelancer; entre outros.

Durante este ano, a ESCO será palco de uma série de iniciativas que irão privilegiar os afetos com toda a comunidade educativa, em primeiro lugar com os seus alunos, promovendo sentimentos de pertença e referência à escola, mas também com os pais, os encarregados de educação, os professores, as empresas, as instituições e muitos mais.

Pedido de mais informações

Newsletter Contactar